A emoção de ouvir o primeiro gravando não pode ser descrita, mas confesso que vou tentar traduzir para vocês que acompanham o blog da Pozati como foi esse dia!

Para começar, fui designada a levar Geraldo e Jhon para o set e já no caminho era possível perceber a energia que permeava as conversas, o ambiente e, até mesmo, os sorrisos.

Chegamos todos na fazenda, cheiro de café e pão quentinho (chega a manteiga derrete), a clássica cena de novela, sabe? Nem mesmo o trâmite de figurino, maquiagem, produção (e olha que essa gente é agitada) pode atrapalhar esse tão especial dia.

Repassamos o roteiro, colocamos microfone, posicionamos os entrevistados em cena, calculamos luz, posição de câmera. Todos os mínimos detalhes foram ajustados. Uma equipe de mais de 20 pessoas estava presente para que tudo ocorresse da melhor forma possível, como Chico merece! 

A energia presente no casarão da Fazenda Ribeirão era sentida por todos. Clima fraterno, de gente de bem e em harmonia. Percebe? Fica difícil traduzir em palavras as sensações que todos compartilhavam. Era possível sentir a presença de Chico guiando as falas, o roteiro e também todos os profissionais.

O café tinha cheiro especial, os sanduíches pareciam mais saborosos e até a água, eu ousaria dizer, tinha gosto de rosas. Gente, é inexplicável trabalhar num projeto que fala de Chico.

Quando vi a primeira claquete e ouvi: “Quando Lembro de Chico, take 1, som ok e gravando” vindo do diretor Fábio, me arrepiei inteira. Sim! Estava acontecendo. Aquele projeto que vinha sendo discutido faz um ano tomava forma, cenas, ganhava vida!

QUANDO LEMBRO DE CHICO será um grande testamento audiovisual, não só dos exemplos de amor e fraternidade deixados por Chico, como dos frutos das sementes por ele espalhadas no coração de seus amigos mais próximos.

Para participar, acesse http://filmes.pozati.com/chico-xavier/ e faça a sua contribuição!

Iasmine Pereira

Author Iasmine Pereira

Jornalista, bruxona e Coordenadora de Comunicação da Pozati Filmes, Iasmine é parte do time do Círculo, uma galera que literalmente "sees dead people".

More posts by Iasmine Pereira

Join the discussion 4 Comments

  • José A. Vecchi disse:

    É muito gratificante saber que esse trabalho que lembra a pessoa de Chico Xavier está acontecendo e aqui em Jundiaí. Chico, antes de ser o maior médium de todos os tempos, autor de 507 livros publicados, ser o maior divulgador do Espiritismo no Brasil e no mundo, foi uma pessoa humana e de um coração enorme! Parabéns pelo trabalho e que os Amigos da Espiritualidade Superior possam abençoar e proteger!

  • Silvia Maria Sanches disse:

    Ansiosa pelo resultado final!! Grande pessoa nosso amado Chico Xavier!!! Com certeza ele inspirará a todos da produção!!!

  • Siomara disse:

    Simplesmente maravilhoso ouvir sobre este homem que esteve entre nós!
    Estou ansiosa para assistir ao documentário, estou certa que nos enriquecerá com as brilhantes lembranças de cada um que repassa para nós um pouquinho de seu convívio com esse Mestre da Literatura Espirita, que nos deixou obras magnificas de grandes ensinamentos e consoladoras. Gratidão!

  • Reginaldo disse:

    A reencarnação de Chico Xavier sem sombra de dúvida, impactou o planeta terra, sua extrutura evolutiva espiritual é única e incomparável, o ser que mais se aproximou do evangelho de Jesus em espírito e verdade, foi Chico, o amor, a compaixão e a sua humildade, são marcos inquestionáveis que se universalisam em todas as direções possíveis, penso que este homem de bem, foi uma paisagem de paz que iluminou as tempestades e as sombras dos nossos corações para sempre. Meu amor por excelência à Chico Xavier…

Leave a Reply

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.